Exame gratuito para gestantes

Sensibilizada com um fato ocorrido com uma mãe que perdeu o filho pela demora na realização do parto, a deputada estadual Maria Lúcia Amary criou o projeto de lei que dispõe sobre a realização do exame de cardiotocografia. Ele é realizado no final da gestação e durante o trabalho de parto.

 

O exame de cardiotocografia é um método de avaliação das reais condições do bebê dentro da barriga da mãe. Com ele, é possível detectar a frequência cardíaca do feto e as contrações uterinas, gerando registros gráficos onde o médico pode avaliar o bem estar da mãe e do bebê. O projeto foi sancionado pelo governador Geraldo Alckmin.

Programa de Saúde da Mulher Detenta

Após uma série de visitas a cadeias femininas, a deputada Maria Lúcia Amary tomou ciência das maiores dificuldades das detentas. A maioria delas reclamou de problemas relacionados à saúde. Baseada nessas informações, a deputada criou o Programa de Saúde da Mulher Detenta, que resgata a cidadania das mulheres presas.

 

A iniciativa preocupa-se em cuidar dos problemas ginecológicos, da alta vulnerabilidade a contaminação por doenças sexualmente transmissíveis, além de minimizar a incidência de Aids proporcionalmente superior à da população feminina em geral e à dos presídios masculinos.

Programa de Qualidade de Vida da Mulher durante o climatério

O objetivo do programa é garantir a saúde física e mental das mulheres durante o período do climatério, quando a diminuição de hormônios faz com que os ciclos menstruais se tornem irregulares, até cessarem completamente. Nessa fase de transição, ocorrem alterações físicas e psíquicas importantes, que prejudicam a qualidade de vida da mulher e seu convívio familiar e social. Essas alterações podem e devem ser tratadas.

Consolidação das leis femininas

A consolidação de toda a legislação referente à mulher no Estado de São Paulo é uma iniciativa da deputada Maria Lúcia Amary como presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa de São Paulo. O objetivo do projeto é facilitar a busca pelos direitos das mulheres. Tendo em vista a grande quantidade de leis relacionadas às mulheres, a deputada quer reunir todas as leis do Estado de São Paulo que se referem à mulher em apenas uma lei.

Vara da Violência Doméstica em Sorocaba

Com grande apoio da deputada estadual Maria Lúcia Amary, a cidade de Sorocaba foi a primeira do interior do Estadão de São Paulo a receber a Vara da Violência Doméstica. A reunião que trouxe a real possibilidade dessa conquista para Sorocaba, realizada no Tribunal de Justiça de São Paulo, foi agendada pela deputada, em setembro de 2012.

Centro de Referência da Mulher de Sorocaba

Inaugurado no ano de 2012 em Sorocaba, o Centro de Referência da Mulher (Cerem) foi construído com emenda parlamentar de R$ 300 mil destinada pela deputada estadual Maria Lúcia Amary. O Cerem é mais um instrumento para atender as vítimas de violência sexual. Qualquer mulher acima de 18 anos e residente no município, que de alguma maneira se sinta agredida fisicamente ou verbalmente, pode procurar a unidade. O Cerem tem como principal objetivo a construção da cidadania da mulher, ampliando seus conhecimentos sobre direitos e o entendimento sobre as relações de gênero.

Dia estadual da conquista do voto feminino

A deputada Maria Lúcia Amary é autora da lei do Dia Estadual da Conquista do Voto Feminino, celebrado no dia 24 de fevereiro. Nesta data, em 1932, a mulher brasileira obteve o direito de votar nas eleições nacionais por meio do Código Eleitoral Provisório. Mesmo assim, a conquista não foi completa. O código permitia apenas que mulheres casadas (com autorização do marido), viúvas e solteiras com renda própria pudessem votar. O voto feminino, sem restrições, só passou a ser obrigatório em 1946.

 

Foram muitas mulheres que lutaram pela conquista do direito ao voto feminino: Julia Barbosa, Bertha Lutz, Leolinda Daltro e diversas outras mulheres que participaram de tão importante conquista e, para Maria Lúcia Amary, devem ser lembradas todos os anos, através dessa homenagem.

Foto: Emídio Marques/Cruzeiro do Sul

Escritório Sorocaba: Rua Bernardo Crespo Lopes, 147 - Parque Campolim - Sorocaba-SP -  CEP 18047-633 - Fone: (15) 3232.2915

Assembléia Legislativa: Av. Pedro Álvares Cabral, 201 3º andar - sala 3027 Ibirapuera-SP - Fone: (11) 3886.6840/ 3886.6855